Franklin Graham - evangelista norte americano
Franklin Graham - evangelista norte americano

Em um post no Facebook, o evangelista Franklin Graham adverte os pais para “estarem atentos” sobre programação do canal ‘Disney Channel’, que está buscando influenciar as crianças a aceitarem e adotarem o estilo de vida “destrutivo” do movimento LGBTQ.

“A Disney costumava ser uma marca na qual os pais podiam confiar. Eles eram como o ‘selo de ouro’ da programação familiar. Mas esses dias já se foram”, declarou Graham.

O pastor, filho do renomado evangelista Billy Graham, afirmou que a Disney está “no campo LGBTQ e está querendo usar os chamados ‘programas familiares’ para influenciar as crianças e jovens de hoje a que aceitarem e fazerem parte do estilo de vida LGBTQ destrutivo”.

Um dos exemplos que ele deu foi a série Andi Mack, uma das mais populares da Disney, fazendo grande sucesso entre as crianças e adolescentes de 6 a 14 anos, que recentemente introduziu um enredo com um personagem gay.

Em nota oficial enviada para a imprensa, o canal Disney Channel diz que “Andi Mack conta a história de adolescentes descobrindo quem eles são. Terri, o elenco e todos os envolvidos na série tomam muito cuidado para se certificar de que o conteúdo é apropriado para todos os públicos e que mandará uma mensagem poderosa sobre inclusão e respeito para a humanidade”.

“Pais, estejam atentos”, postou o evangelista Franklin Graham no Twitter. “Vocês podem controlar isso em sua casa. Vocês também podem considerar a possibilidade de bloquear o Disney Channel”, finalizou.

Exposição dos filhos a lixo

Aqui no Brasil, recentemente a cantora gospel Cristina Mel, que tem um ministério infantil, afirmou que as crianças nunca estiveram expostas a tanto lixo como hoje em dia.

“Uma igreja que cuida dos pequeninos é uma igreja que tem visão, porque as crianças não são somente a igreja do futuro, mas a igreja do presente. Nunca os nossos filhos estiveram tão expostos a tanto lixo. Nunca foram tão agredidos como neste ano, nos últimos tempos”, afirmou a cantora gospel Cristina Mel durante Jubileu de Vinho da igreja Assembleia de Deus de Cosmópolis, em São Paulo.

Cristina Mel“É importante que a igreja tome uma posição, estamos em guerra. Precisamos orar mais, cuidar mais dos nossos filhos. Estamos perdendo nossos filhos debaixo do nosso nariz, no quarto ao lado. Adolescentes cometendo suicídio. A cada três minutos um adolescente se suicida”, ressaltou.

Cristina ainda alertou sobre influências que atacam o público infantil. “Jogos assassinos e criminosos, exposições nos museus hediondas, sujas e acham que a gente tem que aceitar isso. Que geração é essa que não sabe nem dizer se é menina ou menino? O que estão fazendo com a mente dos nossos filhos? A internet não é um lugar seguro. E onde estamos como pais? Os pais têm que tomar uma posição, tem que vigiar, cuidar”, colocou.

Fonte: Guia-me