Segundo a polícia, homem cometia crime às quintas no mesmo horário.
Ele foi preso após estupro de jovem que ia para faculdade.

Um homem de 31 anos foi preso, nesta quinta-feira (6), suspeito de estuprar uma adolescente de 17 anos que estava a caminho de uma parada de ônibus, no bairro Alfredo Nascimento, Zona Norte de Manaus. A vítima seguia para uma faculdade. O suspeito nega participação no crime e diz ser pastor de uma igreja evangélica que, segundo a polícia, não existe.

De acordo com a polícia, o crime aconteceu por volta das 5h desta quinta. Investigadores foram até o local do crime para averiguar informações sobre o caso e, ao ouvirem as características do suposto autor do crime, suspeitaram de que pudesse se tratar de um homem já investigado anteriormente, que teve pedido de prisão preventiva expedido.

Ainda segundo a investigação, o suspeito atuava sempre no mesmo horário, às quintas-feiras, e ficava sozinho à espera das possíveis vítimas. Uma equipe foi até a residência do suspeito, localizada também no Alfredo Nascimento, e convocou o homem a comparecer ao 13º Distrito Integrado de Polícia (DIP). No local, ele foi reconhecido pela vítima, que disse ter identificado até a mochila que ele usava.

O caso foi registrado no 13º DIP, no bairro Cidade de Deus, Zona Norte, onde outras possíveis vítimas podem reconhecê-lo e formalizar uma denúncia. O suspeito foi preso em flagrante e encaminhado à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro de Manaus.

[b]Fonte: G1[/b]