A Missão Portas Abertas divulgou um comunicado desmentindo rumores que circularam pelas redes sociais afirmando que o pastor Yousef Nadarkhani teria sido assassinado.

“Em busca de informações mais precisas, demoramos a nos pronunciar, entretanto, chegamos com boas novas: a notícia que tem percorrido sites e redes sociais de que o Pr. Yousef Nadarkhani foi assassinado é falsa”, diz a nota.

Segundo a Missão, “um colaborador da Portas Abertas, em contato direto com uma fonte próxima ao pastor afirmou que Nadarkhani está vivo”, garante o texto, que ainda pede a divulgação da informação para combater os boatos e garantir que os cristãos de todo o mundo orem por ele.

“Agora é muito simples: compartilhe essa mensagem com o máximo de pessoas possível, para que tais rumores terminem. Ao invés de lamentar a morte de Yousef, ore para que o Senhor o fortaleça e o sustente. A luta ainda não terminou”, enfatiza o texto.

Yousef Nadarkhani se tornou mundialmente conhecido ao ser acusado de apostasia do islamismo, o que segundo as autoridades do Irã, deve ser punido com a morte. Entretanto, os advogados de Nadarkhani conseguiram reverter a condenação provando que o pastor nunca havia se convertido oficialmente ao islamismo, e que portanto, não poderia ser enquadrado na lei.

Apesar disso, ele foi mantido preso por três anos sob acusação de promiscuidade e prostituição, e em setembro de 2012 foi liberado da prisão, retornando em dezembro para cumprir o restante de sua pena. A libertação definitiva do pastor aconteceu em 2013.

[b]Fonte: Gospel +[/b]