Karina Souto Rocha continua internada após levar três tiros do ex-namorado, no Mato Grosso. (Foto: UOL)
Karina Souto Rocha continua internada após levar três tiros do ex-namorado, no Mato Grosso. (Foto: UOL)

Uma empresária de 29 anos está surpreendendo uma equipe médica no Mato Grosso, após dar sinais de vida, mesmo tendo morte cerebral confirmada. Karina Souto Rocha havia sido baleada no dia 1º de fevereiro pelo ex-namorado, quando se recusou a reatar o relacionamento com ele. O homem se matou após atirar nela.

A vítima teve a morte cerebral constatada no hospital para onde foi levada, logo após levar três tiros de Baltazar Augusto de Menezes, 58 anos. As balas atingiram o rosto, o tórax e o abdômen da mulher

Mas no momento em que os aparelhos seriam desligados, uma surpresa: Karina reagiu, mexendo as mãos. Então, novos exames mostraram que, apesar do estado de saúde de Karina ser grave, ele é reversível.

A morte cerebral foi confirmada pelos médicos no dia 3 de fevereiro. Mas apesar do diagnóstico médico, o pai de Karina, o pedreiro José Rocha Cardoso, de 56 anos, manteve a fé de que sua filha voltaria à vida.

“O médico me chamou e disse que o quadro dela era irreversível. Os exames mostravam que não tinha mais o que a medicina fazer pela minha filha, mas no meu coração eu sentia que ela não iria morrer”, contou José.

Em entrevista a uma emissora local, José contou que realmente acreditava que Deus podia fazer um milagre na vida de sua filha.

“Eu falei para ele [médico] que ela tinha 1% de vida e esse 1% ia vingar, porque o Deus todo poderoso é quem vai fazer essa obra. Enquanto ela tiver fôlego, estiver respirando, esse 1% vai vingar”, contou.

De fato, a oração do sr. José teve como resposta um milagre. Sua filha voltou a dar sinais de vida, exatamente no momento em que seus aparelhos seriam desligados. A equipe médica foi surpreendida, quando por volta das 14h, uma enfermeira foi até o quarto para fazer o desligamento do equipamento e percebeu que a empresária mexeu uma das mãos. Espantada, a profissional chamou pelo nome de Karina e a empresária respondeu com um movimento de cabeça.

“Eles diziam que não tinha mais condições, porque para a medicina, ela estava morta, mas Deus fez a obra, trouxe a minha filha de volta, reagindo”, acrescentou José. “Eu estava aqui, do lado de fora, falando com Deus e pedindo que ele entrasse lá e ressuscitasse minha filha”.

Ele contou que após a filha dar novos sinais de vida, ela passou por novos exames que constataram que ela de fato retornou do estado de morte cerebral. Então, foi levada para a UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e segue internada lá.

“Hoje o estado de saúde dela ainda é grave, mas ela vem se recuperando pouco a pouco. Ela abre os olhos e entende tudo o que conversamos, só a fala ainda não voltou, mas isso é questão de tempo. Está respirando com ajuda de aparelhos, mas a pressão e os batimentos cardíacos estão normalizados. Está tudo certo com ela”, explicou.

Homem de fé, Sr. José aproveitou a entrevista para deixar uma mensagem de esperança às pessoas que precisam de um milagre.

“O anjo do Senhor há de andar por esse hospital, se manifestar sobre a vida desse povo que está por aí, internado e aqueles que estão em seus lares, confiem no Senhor. Vocês que estão precisando, Deus existe! Deus é vivo!”, delcarou.

Fonte: Guia-me com informações de UOL