Papa Francisco pensativo
Papa Francisco pensativo

No Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto, celebrado anualmente em 27 de janeiro, o papa Francisco pediu para que as pessoas “fiquem atentas” para que tragédias como o assassinato de milhões de judeus não seja repetido.

“Relembrar é uma expressão de humanidade, relembrar é um sinal de civilidade, relembrar é uma condição para um futuro melhor de paz e fraternidade. Relembrar é também estar atento porque essas coisas podem acontecer de novo, começando pelas propostas ideológicas que querem salvar um povo e terminam destruindo todo o povo e a humanidade . Estejam atentos sobre como começou essa estrada de morte, de extermínio, de brutalidade”, disse o Pontífice durante a audiência geral desta quarta-feira (27).

A data foi instituída pela Organização das Nações Unidas ( ONU ) em 2005 e tem como objetivo lembras das milhões de vítimas.

No dia 27 de janeiro de 1945, as tropas soviéticas entraram no campo de concentração de Auschwitz e libertaram os sete mil sobreviventes que estavam no local. No entanto, dadas as condições de exploração e fome, muitos acabaram morrendo dias depois.

Fonte: Último Segundo