De acordo com os relatórios da ONU (Organização das Nações Unidas), Bangladesh apresentou um resultado misto, conforme as especificações da Liberdade de Religião e Crença no país. A declaração diz que o Estado é secular, mas ao mesmo tempo afirma que o islã é a religião oficial da nação.

Embora pareça uma declaração positiva para os cristãos, na prática não há o que comemorar, porque a questão da conversão ao cristianismo continua a ser um grande problema. O relator da ONU chegou a mencionar o “ostracismo social”, um termo político que caracteriza a realidade dos cristãos, que são isolados e até mesmo excluídos da sociedade, por não seguirem as regras das autoridades.

O analista da Portas Abertas afirma que isto realmente ocorre no Bangladesh, logo após uma conversão à fé cristã, e que além do ostracismo ainda existe a perseguição religiosa, já que os cristãos são agredidos fisicamente e tratados com certa violência.

Pedidos de oração

• Clame ao Senhor pelos nossos irmãos em Bangladesh, que eles possam ser bem tratados e acharem conforto em Deus.
• Peça pelas autoridades de Bangladesh, que Deus abra os olhos deles.
• Interceda por igualdade para todos no país.

[b]Fonte: Portas Abertas Internacional[/b]