Comemorando 10 anos de trabalho musical, o Voices lança este mês seu sétimo CD pela MK Music, Sobreviverei. O título expressa bem o momento vivido pelo grupo – gratidão a Deus pela continuidade do ministério. Nada melhor do que comemorar uma década de louvor e adoração com CD novo.

“O Voices é um milagre! Vamos considerar o fato de que somos cinco solistas, das quais quatro estão juntas há 10 anos (eu, a Fernanda Brum, a Eyshila e a Liz Lanne). Todas com ministérios muito fortes e atuantes. Como é possível o Voices sobreviver a isso tudo, né”?, declara e questiona Marina de Oliveira, idealizadora do grupo.

Outro motivo de celebração é a estréia de Lilian Azevedo, que pela primeira vez participa do CD como integrante do Voices. “Está sendo maravilhoso trabalhar ao lado dessas mulheres de Deus, tão abençoadas e abençoadoras”, afirma com um grande sorriso. Marina completa: “A Lilian se encaixou perfeitamente e é uma bênção pra nós! Veio somar talento ao nosso ministério”.

Sobreviverei foi gravado no estúdio da MK Music, em São Cristóvão (zona norte do Rio de Janeiro), e traz 15 faixas, entre elas, a animadíssima canção-título, que já é uma das mais pedidas durante a programação da Rádio 93 FM. Todas as canções merecem destaque, afirma o grupo, mas sempre tem algumas que chamam a atenção. “Em Meio ao Furacão”, “Deserto” e “Hoje” – que chegou a ser anunciado como título do CD – estão na lista das preferidas. “Sinceramente, não sabemos dizer qual é a mais impactante. Agora que o CD está pronto, percebemos que está muito mais bonito do que imaginávamos. Está bastante diversificado e nossas vozes estão maduras e bem coesas. O CD está lindo!”, decreta o Voices.

Repetindo a parceria bem-sucedida, o grupo conta mais uma vez com a produção musical de Emerson Pinheiro que, segundo as meninas, se superou nesse novo trabalho. O produtor atribui todo o seu talento e criatividade a Deus. “A Bíblia cita, no Salmo 87.7, que os músicos e cantores dirão: ‘Todas as nossas fontes estão em Ti’. Isso quer dizer que o nosso Deus é inesgotável e tem sempre coisas novas, todos os dias, para nós. Toda inspiração vem dEle. Creio que, neste CD, Deus decidiu dar algo novo ao Voices, e ele está surpreendente. Portanto, não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje, ou melhor, o que você pode ouvir hoje”, explica Pinheiro, fazendo, com bom humor, referência à canção “Hoje”, uma das faixas do repertório.

Desta vez, o grupo também contou com um produtor vocal, Marquinhos Menezes, que destaca no novo álbum a maior participação das cantoras como solistas. “É diferente de tudo o que elas já fizeram. Tenho observado o amadurecimento do grupo como corpo e, desde a primeira canção que gravaram para o CD, percebi, no timbre de cada uma delas, esse crescimento”, compartilha Marquinhos, afirmando que esse desenvolvimento tem a ver com um compromisso maior com Deus e ainda com a experiência adquirida nesses anos de ministério.

O Voices testifica e continua firme nas promessas de Deus para o grupo e no propósito desse ministério. “O título Sobreviverei fala sobre estar de pé, firme, e continuar a caminhada. Pensamos o seguinte: o CD vai levar a Palavra e ministrar aos corações. Qual o melhor título – Hoje ou Sobreviverei? As pessoas estão precisando vencer as tribulações, sobreviver às lutas da vida. Entendemos que esse título é uma palavra profética e impactante para as vidas”. Então, receba esta palavra!

BOX

Durante as gravações, Fernanda Brum, Eyshila, Lilian Azevedo, Liz Lanne e Marina de Oliveira se emocionaram e comemoraram a boa marca em sua trajetória como grupo Voices. A seguir, elas revelam um pouco de seus sentimentos:

Eyshila: “Quero falar da alegria e do privilégio que há no meu coração por estar participando de um CD do Voices. Estamos vivendo o ano da plenitude, da totalidade, da conquista, e eu profetizo isso para a vida do Voices e para a vida de todos aqueles que têm se colocado na presença de Deus. Que possamos viver, a cada dia, como se Jesus voltasse hoje, pois Ele está às portas”.

Liz Lanne: “É sempre uma bênção estar com o Voices. Gravar mais um CD em companhia dessas mulheres de Deus é mais que um presente. O Senhor tem nos sustentado e eu tenho certeza de que esse ministério tem sido uma bênção na vida de cada uma de nós, e também na vida de todos os que têm acompanhado nosso trabalho. É nossa oração”.

Marina de Oliveira: “Uma das inúmeras coisas que me marcaram nesse novo álbum foi a escolha do nome. Decidimos que o CD se chamaria Voices Sobreviverei quando estávamos reunidas revendo as músicas. E por que esse título é tão marcante, não só para mim, mas para todas? Porque reflete a vontade de Deus para que vivamos com plenitude. Ele nos confiou esse ministério e estamos aqui para obedecer-lhE e engrandecer o Seu nome todos os dias”.

Fernanda Brum: “Esse CD é realmente muito especial pois, na verdade, combinamos que cada uma traria duas canções e acabamos trazendo mais de duas. Nós nos reunimos várias vezes para escolher, e acredito que esse é o melhor repertório que já ouvi do Voices. Acho que o Voices está mais maduro e isso também faz uma grande diferença”.

Lilian Azevedo: “Apesar de estar gravando o primeiro CD com elas, já nos conhecíamos e éramos amigas há anos. E é uma honra! Parece que sou do Voices desde o seu início. Vejo isso como testificação de Deus na minha vida e ministério. Essa união foi selada pelo Senhor e o Voices vai ser hoje, vai ser amanhã, vai ser por toda a vida”.

Fonte: Elnet