Igreja Ortodoxa da Rússia
Igreja Ortodoxa da Rússia

A Aliança Evangélica Europeia (AEA) expressou uma “profunda preocupação com a deterioração da Liberdade de Religião ou Crença na Rússia”.

A AEA respondeu à notícia do veredito do Tribunal Oryol (Rússia), declarando o cidadão dinamarquês Dennis Christensen culpado de “organização da atividade extremista”. Ele foi condenado a 6 anos de prisão .

“Até onde sabemos, o Sr. Christensen foi condenado pela manifestação pacífica de sua fé como Testemunha de Jeová. Portanto, não podemos deixar de concluir que o veredito do tribunal Oryol é uma violação do direito do Sr. Christensen à Liberdade de Religião ou Crença”, afirma a AEA em um comunicado.

“Pedimos a todas as autoridades russas que respeitem e implementem plenamente sua Constituição e as obrigações internacionais de direitos humanos”. 

Precedentes de pressão sobre minorias religiosas, como “o ato Yarovoy-Ozerova , a decisão da Suprema Corte da Federação Russa de proibir as Testemunhas de Jeová” também são denunciados.

O corpo representando 23 milhões de cristãos evangélicos na Europa reiterou seu “ total apoio a todos os líderes religiosos, políticos e ativistas de direitos humanos que defendem e promovem a liberdade religiosa ou a crença de todos”.

A AEA “apela a todos os cristãos, tanto na Rússia como em outras partes do mundo, para que orem para que todas as autoridades da Federação Russa governem em justiça e paz para que todas as pessoas de boa vontade possam viver em paz e tranquilidade e santidade (1 Timóteo 2: 2)”.

Folha Gospel com informações de Evangelical Focus