A arquidiocese de Barcelona expressou seu desejo de que se mantenha a cruz no escudo do Barcelona Futebol Clube, depois de conhecer que em alguns países árabes os produtos do Barça são vendidos com a imagem do escudo sem a cruz que aparece no escudo oficial.

A Delegação Diocesana de Meios de Comunicação afirmou que «pareceria grave que se tirasse a cruz, por respeito à história e à identidade» do clube.

A arquidiocese também mostrou sua «cautela e prudência» perante a informação da eliminação da cruz para evitar ferir os sentimentos dos muçulmanos, porque parece que só afetaria produtos do Barça de determinados países, entre eles a Arábia Saudita.

Fonte: Zenit