Print da teleconferência das bancadas evangélicas de Pernambuco
Print da teleconferência das bancadas evangélicas de Pernambuco

Jamildo Melo
NE10

As bancadas evangélicas da Câmara Municipal do Recife e da Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco passaram esta terça-feira, 21, tratando como fazer para pressionar o governador Paulo Câmara a liberar os cultos em Pernambuco.

Eles estiveram reunidos para discutir como levar um ofício ao chefe do Executivo, sem alarde.

O vereador Fred Ferreira chegou a tratar a questão pelas redes sociais, sem ser específico.

Um print da teleconferência chegou a estar disponível nos stories da vereadora Ana Lúcia. Mas ela também não especificou o que foi tratado, apenas fala que estava em reunião para tratar do papel da igreja em tempos de pandemia.

De acordo com informações extra-oficiais, muitas destas igrejas estão funcionando com um número de fiéis reduzidos, mas sempre acima do limite de 10, que é o permitido pelo decreto do governador.

Em uma nota oficial divulgada, os políticos mostram o que as igrejas fazem, na pandemia, mas não negam a intenção de pedir a abertura das igrejas em Pernambuco. Veja a nota abaixo.

“As Bancadas Evangélicas da Câmara do Recife e da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) se reuniram, por meio de videoconferência, nesta terça-feira (21), para discutir o papel da Igreja em Pernambuco em meio a pandemia e de que maneira a instituição poderia contribuir e auxiliar o Município e o Estado neste momento tão difícil.

A bancada se coloca à disposição e traz exemplos da voluntariedade existente dentro das entidades.

Muitas delas já fazem um trabalho social permanente. Está sendo realizado um levantamento das ações feitas durante esse período. Vários templos estão arrecadando alimentos para distribuir as pessoas menos assistidas.

A videoconferência contou com a participação do presidente da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (UNALE), Kennedy Nunes (PSD/SC) e do deputado sistrital do Distrito Federal, Rodrigo Delmasso (Republicanos). Que contribuíram com a experiência em seus estados.

Um próximo encontro foi marcado para esta quinta-feira (23), onde serão convidados representantes do Ministério Público de Pernambuco, OAB/PE e líderes religiosos de várias denominações que contarão as suas ações neste período.”

Fonte: Jamildo Melo – NE10