Cristãos na Índia
Cristãos na Índia

As irmãs Sunita* e Meena*, da Índia, que conheceram a Jesus por meio de um programa de rádio cristão, continuam morando na nova vila para onde tiveram que fugir, há mais de dois anos.

Porém recentemente, em uma vila próxima, a menos de 6 km da casa delas, um incidente violento ocorreu envolvendo oito famílias cristãs. Ao todo, 32 pessoas foram agredidas fisicamente, ameaçadas e então expulsas.

Algumas delas, devido às agressões, tiveram de ser internadas no hospital. Parceiros locais da Portas Abertas ajudaram a garantir suas necessidades médicas. O incidente trouxe novamente à tona os medos das duas irmãs.

“Está acontecendo de novo”, disse Sunita ao parceiro da Portas Abertas que foi visitá-las para saber de sua localização logo após o incidente.

Ela estava ansiosa e dizia: “E se eles nos pegarem de novo? Nós devemos fugir para outra vila?”. Os parceiros decidiram esperar por um dia ou dois para ver se as irmãs precisariam ser deslocadas para outro local. Felizmente a situação se acalmou antes do esperado. “Graças a sua oração a situação está calma para nossa pequena loja”, concluiu Sunita.

Por conta da crescente onda de perseguição extremista no país, a Portas Abertas lançou essa companha global para que a igreja indiana tenha suporte e permaneça viva. Sua doação permite o patrocínio de uma equipe de resposta rápida.

É fornecida ajuda por meio de distribuição de Bíblias e literatura cristã, treinamentos, ajuda socioeconômica e assistência jurídica.

Fonte: Missão Portas Abertas