Chave abrindo uma porta
Chave abrindo uma porta

Os proprietários do prédio onde funciona uma igreja, na cidade de Lodi, Califórnia (EUA), mandaram trocar as fechaduras e impediram a entrada de pessoas nas instalações depois que o pastor planejou a realização de um culto com sua congregação no domingo anterior à Páscoa.

Os religiosos pretendiam desafiar um decreto de isolamento social instalado como medida de prevenção à covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus.

Segundo o site da revista americana Newsweek, a polícia local também apareceu para barrar qualquer pessoa que tentasse entrar na igreja.

O pastor Jon Duncan, da Cross Culture Christian Center, anunciou aos fiéis que eles seriam impedidos de realizar o culto.

“Fomos informados de que o prédio foi fechado para nós, que eles mudaram as fechaduras”, disse o pastor aos membros da congregação evangélica. Duncan havia anunciado em entrevista a uma emissora afiliada à Fox americana que pretendia seguir realizando cultos presenciais mesmo com as ordens de distanciamento social emitidas pelo governo estadual na Califórnia.

“Nós vamos nos reunir sempre que possível, acreditamos que esse é um direito protegido pela 1ª Emenda (da Constituição dos EUA) e deve ser considerado essencial”, disse na ocasião o líder religioso.

Mas a Bethel Open Bible Church, igreja que é proprietária do local onde funciona a congregação de Duncan, mandou trocar as fechaduras de toda a instalação, impedindo a entrada de pessoas em qualquer parte.

Segundo a polícia da cidade de Lodi, a decisão aconteceu após uma advertência ser emitida pela oficial de saúde pública Maggie Park, do condado de San Joaquin, onde fica o município.

Fonte: UOL