Bispo Edir Macedo, líder e fundador da Igreja Universal do Reino de Deus
Bispo Edir Macedo, líder e fundador da Igreja Universal do Reino de Deus

O bispo Edir Macedo, 75 anos, ficou quatro dias internado no hospital Moriah, em São Paulo, após ser infectado pelo novo coronavírus. O líder da Igreja Universal e dono da Record, recebeu alta médica nesta sexta-feira.

Segundo o bispo, o tratamento foi feito com todos os medicamentos indicados pelos médicos, entre eles a hidroxicloroquina.

“Tomei todos os medicamentos indicados pelos médicos, entre eles a hidroxicloroquina, e estou bem”, afirmou Edir Macedo ao site R7.

Edir Macedo foi atendido pela equipe médica coordenada pelos Dr. Leandro Echenique e Dr. Ricardo Teixeira. Segundo os médicos, o fundador da Universal respondeu muito bem ao tratamento.

“Ele evoluiu sem intercorrências, apresentou uma ótima evolução clínica e se recuperou totalmente”, explicou Echenique, que é cardiologista.

Em março deste ano, Edir Macedo disse para fiéis não se preocuparem com o novo coronavírus. Segundo ele, a doença é “mais uma tática de Satanás” e da mídia para causar pânico nas pessoas.

“Meu amigo e minha amiga, não se preocupe com o coronavírus. Porque essa é a tática, ou mais uma tática, de Satanás. Satanás trabalha com o medo, o pavor. Trabalha com a dúvida. E quando as pessoas ficam apavoradas, com medo, em dúvida, as pessoas ficam fracas, débeis e suscetíveis. Qualquer ventinho que tiver é uma pneumonia para elas”, disse.

Fonte: R7 e Itatiaia