Pastor M El Masih disse que mais de 6 milhões de muçulmanos a cada ano se tornam cristãos em países islâmicos.
Pastor M El Masih disse que mais de 6 milhões de muçulmanos a cada ano se tornam cristãos em países islâmicos.

Um pastor que iniciou centenas de igrejas no Paquistão, onde sofreu perseguição por sua fé, narrou sua jornada extraordinária em um novo livro no qual ele diz que curas divinas e sonhos proféticos estão levando muitos muçulmanos a Jesus Cristo.

O Pastor M El Masih, que iniciou o Cry of the Persecuted Church [Choro da Igreja Perseguida] e agora vive com sua família nos Estados Unidos, compartilhou em uma entrevista com o The Christian Post alguns de seus desafios mais difíceis que cresceram no Paquistão, onde ele estudou e seguiu o Islã e o Alcorão por anos.

Em seu livro Da Perseguição à Terra Prometida , Masih, que falou em milhares de igrejas e universidades, explica que ele cresceu em uma família nominalmente cristã, mas abraçou o Islã em um ponto em sua busca da verdade, tornando-se professor em uma escola secundária islâmica.

O desespero e a falta de paz o assombraram, no entanto, e foi com a ajuda de outros crentes e um pastor compartilhando o Evangelho de Jesus com ele que decidiu se tornar um cristão em 1993.

Ele enfrentou uma forte perseguição por sua nova fé, e foi tratado como um cidadão de segunda classe pela maioria muçulmana, uma situação que continua até hoje para os cristãos e as minorias religiosas no Paquistão.

Masih disse que o Evangelho está atingindo muitos no mundo muçulmano. Ele acrescentou que, mesmo que o Islã esteja crescendo em todo o mundo devido às altas taxas de natalidade, mais de 6 milhões de muçulmanos a cada ano se tornam cristãos em países islâmicos.

Muitos muçulmanos estão tomando decisões para se converter, e não necessariamente por causa da Bíblia ou de um pregador que os alcançou, mas porque o próprio Jesus os visitou em sonhos e visões, ele observou. Este é um testemunho que tem sido repetido por outros cristãos  em regiões perseguidas em todo o mundo.

No livro, Masih fala sobre a ascensão de seu ministério e seus esforços em estabelecer igrejas. Ele também diz que através do poder de Deus, ele testemunhou e participou de vários milagres de cura.

Ele compartilha casos em que, através da oração em nome de Jesus, ele viu mulheres paralisadas se levantarem e começarem a andar; e em outro caso, para um homem quase cego, Jesus “restaurou sua visão imediatamente”.

O pastor também adverte sobre vários perigos que os cristãos enfrentam em todo o mundo, incluindo a perseguição nas mãos de islamitas, a quem ele diz ter falsamente convencido muitos no Ocidente que o Islã não é uma ameaça.

Além disso, ele aponta para ameaças espirituais que vêm de demônios, bruxaria e forças satânicas, que ele disse não são fantasia, mas real.

Fonte: The Christian Post