Cristãos no Vietnã (Foto representativa)
Cristãos no Vietnã (Foto representativa)

Em junho de 2021, o governo do Vietnã criou uma política de ajuda para famílias que vivem em uma província perto da fronteira com a China através de tanques de água. Essa iniciativa é uma resposta à necessidade dos moradores de armazenar água.

Como a área é montanhosa e rochosa, ter acesso às águas subterrâneas é difícil; a água da chuva se torna a principal fonte para os moradores, mas armazená-la tem sido um problema. O governo forneceu a cada família aproximadamente 450 dólares para construir os tanques.

No entanto, seis famílias cristãs foram excluídas de receber esse auxílio, pois são seguidoras de Cristo. De acordo com um pastor da área, as autoridades locais disseram: “Vocês são cristãos! Não temos responsabilidade sobre vocês. Vá, peça ajuda para a igreja. Se você quiser receber apoio, retorne à nossa religião e adore nossos ancestrais novamente. Se continuarem a ser cristãos, não receberão nada”.

Os moradores nessa província do Norte são pobres, incluindo as seis famílias. O acesso a comida é difícil e construir o tanque está além da capacidade financeira. Quando a estação seca chegar, eles têm que andar seis horas para buscar água no rio.

O Vietnã ocupa a 19ª posição na Lista Mundial da Perseguição 2021 e a pressão sobre os cristãos aumentou em quase todas as áreas da vida. Os cristãos enfrentam perseguição em todas as esferas da vida, vinda de amigos e familiares, comunidade, líderes de aldeias e autoridades do país.

Fonte: Portas Abertas