Igreja Universal do Reino de Deus
Igreja Universal do Reino de Deus

O “Jornal de Angola” publicou uma denúncia de mães de duas jovens que acusam a Igreja Universal de obrigar os noivos de suas filhas a fazer a cirurgia de vasectomia. Eles são pastores.

Fiéis da Universal há cerca 30 anos, as mães entraram em contato com o jornal na esperança de que a Igreja, diante da denúncia, desista do procedimento.

A vasectomia não “tem respaldo da Bíblia”, afirmou uma delas, segundo o jornal.

Em um documento, as duas noivas afirmaram que estão tristes porque elas, com seus futuros maridos, “não vão poder ter filhos para o resto da vida, porque essa operação não tem volta”.

Um bispo teria dito a um grupo de noivas: “Vocês podem ir queixar-se onde quiserem, pois eu não tenho medo de ninguém.”

O jornal publicou que a Universal, por intermédio de “uma figura proeminente da Igreja” naquele país, anunciou pela primeira vez sobre a obrigação da esterilidade dos pastores em setembro ou outubro de 2017.

De acordo com o jornal, a Universal estaria mandando os pastores a uma clínica da África do Sul para a realização da cirurgia.

Por duas vezes o jornal entrou em contato com a Universal, indo à Catedral de Muculusso, para ela se manifestar sobre as denúncias, além de enviar perguntas por e-mail.

“Um pastor contatado não confirmou nem negou a veracidade da denúncia”, publicou o jornal. “Mas ele admitiu haver uma orientação aos pastores para não terem muitos filhos, para que não atrapalhem o trabalho pastoral.”

O pastor Jimi Inácio, porta-voz da Igreja em Angola, disse ao jornal que iria processá-lo se denúncia fosse publicada.

O Jornal de Angola informou que não é a primeira vez que a Universal é acusada de obrigar seus pastores à esterilização.

De acordo com o jornal, há vários vídeos na internet com a mesma denúncia, como o intitulado “Bispo Macedo proíbe pastores de terem filho”, divulgado em junho de 2014, onde uma jornalista da Veja entrevista um ex-pastor.

Portugal

Em 2017, uma séria de reportagens da TV portuguesa TVI, intitulada O Segredo dos Deusesum ex- bispo da Igreja Universal, afirmou que Edir Macedo proibiu os bispos de terem filhos.

A reportagem apresenta um vídeo onde durante a pregação, Edir Macedo aconselha os jovens a não terem filhos, afirmando ser uma irresponsabilidade nos dias de hoje trazer um filho ao mundo.

Em um áudio, o bispo Luiz André, líder da Universal em Angola, teria dito que por ordem de Edir Macedo, os pastores só gerariam filhos espirituais. “Por ordem do senhor bispo Macedo, a partir de hoje, o pastor, ele só vai gerar filhos no espírito, a partir dessa data, não é mais para pastor ter filhos, vocês entenderam?”

A reportagem ainda acusava a Igreja Universal de estar por detrás de uma rede internacional de adoções ilegais após abrir uma creche onde as mãe deixavam seus filhos que eram roubados para serem adotados ilegalmente por bispos e pastores da IURD.

Após a emissora portuguesa TVI anunciar a exibição de uma série de reportagem que acusa a Igreja Universal do Reino de Deus de criar uma rede de adoções ilegais de crianças, Louis Carlos de Andrade e Vera de Andrade, filhos adotivos de Viviane Freitas, filha de Edir Macedo, se pronunciaram em vídeo. (Veja o vídeo aqui)

Fonte: Paulopes e TVI – Portugal