Warren Jeffs, líder de uma seita poligâmica do Texas condenado à prisão perpétua há três semanas por abuso sexual de menores, está em condição crítica em um hospital do Texas.

Jeffs, líder espiritual da Igreja Fundamentalista de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, foi levado no domingo a um hospital após passar vários dias em greve de fome em uma prisão na região de Palestina, Texas, revelou um funcionário ao jornal Salt Lake Tribune.

[img align=left width=300]http://f.i.uol.com.br/folha/mundo/images/11213330.jpeg[/img]O líder espiritual, de 55 anos, foi sentenciado por contrair “matrimônio espiritual” com duas adolescentes após a polícia resgatar centenas de crianças envolvidas na seita.

O departamento correcional do Texas confirmou que Jeffs está hospitalizado, mas não deu detalhes sobre seu estado de saúde.

Jeffs ficou conhecido em 2008, quando a polícia revistou sua igreja em Eldorado, no sul do Texas, e encontrou mais de 450 crianças, em meio a acusações de abuso sexual e agressão física.

[b]Fonte: Folha.com[/b]