Marca de cereais Kellogg's faz parceria com grupo LGBT
Marca de cereais Kellogg's faz parceria com grupo LGBT

A marca de cereais Kellogg’s fez parceria com um grupo de defesa LGBT para criar um cereal especial embalado em uma caixa, incentivando as pessoas a escolher seus próprios pronomes.

A Kellogg’s revelou sua campanha “Juntamente com o Orgulho” em parceria com o GLAAD na semana passada.

A campanha, que adotou o slogan “Caixas são para cereais, não para pessoas”, vai durar até 30 de novembro de 2021. Ela se baseia na premissa de que “Não importa quem você seja, quem você ama ou quais pronomes você usar, você é incrível demais para caber em uma caixa. “

A empresa sediada em Michigan observou em sua página do Instagram que para cada caixa de cereal vendida, ela doará US$ 3 para a GLAAD. Fundada originalmente como Gay & Lesbian Alliance Against Defamation, a GLAAD promove a aceitação LGBT na mídia.

A frente da caixa de cereais inclui o logotipo da Kellogg’s com as cores do arco-íris e o logotipo GLAAD.

Personagens de desenhos animados associados às marcas da empresa cercam uma tigela de cereais da cor do arco-íris. Como uma descrição do cereal de edição limitada no site GLAAD explica, “o novo cereal apresenta corações de arco-íris com sabor de frutas silvestres polvilhados com purpurina comestível.”

Imagens compartilhadas nas redes sociais mostram que tanto a lateral quanto a parte superior da caixa permitem que as pessoas “adicionem seus próprios” pronomes.

Não é a primeira vez que a empresa abraçou o ativismo pró-LGBT. Em 2014, a Kellogg’s foi criticada por patrocinar uma parada do orgulho em Atlanta e incluir o mascote Tony, o Tigre em um anúncio no “guia do orgulho” do evento.

O novo cereal da Kellogg recebeu reação de grupos cristãos conservadores.

A Sociedade Americana para a Defesa da Tradição, Família e Prosperidade lançou uma petição pedindo a Kellogg que “pare de promover o cereal de ‘orgulho’ pró-homossexual”.

Dirigida ao CEO da Kellogg, Steve Cahillane, a petição conclama a empresa a “promover pureza e virtude, não luxúria e vício” e exige que a Kellogg’s pare de vender o cereal. A petição já acumula mais de 21.000 apoiadores.

A introdução do cereal Together With Pride ocorre no momento em que o mês anual do Orgulho LGBT começa na próxima semana, reconhecendo o movimento LGBT. Muitas outras empresas já começaram a promover produtos com as cores do arco-íris em reconhecimento à ocasião.

A Disney lançou a “Coleção Arco-íris da Disney”, apresentando roupas com fotos coloridas de personagens adorados da Disney. Além disso, a empresa de entretenimento trabalhou com seus parceiros para criar brinquedos com as cores do arco-íris representando personagens da Disney.

Em outubro passado, a Nabisco distribuiu biscoitos Oreo de edição limitada com diferentes cores do arco-íris para celebrar o Mês da História LGBT.

Folha Gospel com informações de The Christian Today