Pastor Eduardo Dias morreu na igreja e o seu pai, João Dias não resistiu e também morreu ao saber do filho. Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal
Pastor Eduardo Dias morreu na igreja e o seu pai, João Dias não resistiu e também morreu ao saber do filho. Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal

O pastor evangélico Eduardo Dias, de 45 anos, morreu dentro da igreja em que é líder após passar mal e desmaiar, no último sábado (23), em São Roque, no interior de São Paulo. Seu pai, João Dias, teve um mal súbito após saber da perda do filho e também veio a óbito.

Os dois foram velados e enterrados juntos neste domingo (24).

O pastor, que era líder da Igreja Evangélica Novo Israel, passou mal após falar em um evento para casais da igreja. Eduardo chegou a ser socorrido para o Hospital Santa Casa, mas não resistiu.

João, pai do líder evangélico, foi para o hospital após saber que o filho tinha sido internado. Chegando à unidade de saúde, ele foi informado do falecimento do filho. O idoso então começou a passar mal. Ele sofreu uma parada cardíaca e morreu, logo após o filho.

Nas redes sociais, familiares, amigos e irmãos da igreja lamentaram as mortes de pai e filho. Conhecido como Pastor Du, Eduardo recebeu homenagens da igreja onde era pastor.

– É com profundo pesar que a Igreja Novo Israel informa o falecimento de Eduardo Dias, conhecido como “Du”, pastor e líder responsável. Nosso querido Pastor Du deixará muitas saudades. Agradecemos imensamente o tempo que convivemos com ele, e pela dedicação ao trabalho realizado, que será sempre lembrado pelo amor a Deus e às pessoas. Pela sua lealdade, competência e caráter! Deixa um legado em nossa igreja – lamentou a igreja no Facebook.

Fonte: Pleno News