Cristãs orando na Ásia Central
Cristãs orando na Ásia Central

Durante os últimos meses, na Ásia Central, alguém informou aos serviços de segurança e à polícia do país sobre cristãos secretos ex-muçulmanos e seus encontros. Parece que alguém da igreja doméstica está dando as informações.

Um dia, a polícia chamou diversos cristão para a delegacia e os deteve. Disseram: “Nós sabemos que vocês são parte de uma seita e sabemos que alguém visita vocês, traz livros e os ensina a deixarem o islamismo. Vocês devem dar todas as informações sobre as pessoas que visitam seu grupo, todos os professores e como vocês os conheceram”.

Os policiais foram muito cruéis ao tentar conseguir informações. Eles os intimidaram agredindo, insultando e humilhando homens e mulheres, chegando até mesmo a usar armas de choque. As mulheres desmaiaram várias vezes. Ninguém deu qualquer informação, mas eles ficaram muito assustados e estressados, principalmente as mulheres.

Canais de TV estatais mostraram cristãos convertidos como “feiticeiros, bruxas e videntes” pedindo que todos lutassem contra eles para a “pureza da religião islâmica”. Isso tornou a posição dos cristãos na comunidade ainda mais vulnerável.

Muitas famílias de missionários foram deportadas do país. Parece que o governo decidiu expulsar completamente os cristãos do país e a perseguição cresce. Eles precisam constantemente de nossas orações por proteção e segurança. Eles ainda podem se encontrar, mas apenas em pequenos grupos, na maioria das vezes a noite, e não permite que ninguém de fora os visite.

Como uma das mulheres compartilhou: “Com o crescimento da perseguição nós podemos ver, ao mesmo tempo, o aumento da necessidade do evangelho e o crescimento do ministério, mesmo que ele seja secreto. É claro, eles podem nos prender, agredir e assustar. E eles realmente fazem isso. Mas não podem levar o amor e a esperança”.

Ore por esses cristãos, por sua segurança e pela oportunidade de praticar a fé, seja em encontros, cultos ou momentos de oração.

Se esse cenário já é difícil para os adultos cristãos, imageine para as crianças. Por isso, a Portas Abertas convida você a enviar desenhos para encorajar os pequenos cristãos da Ásia Central a manterem a fé em Jesus, mesmo em situações de adversidade. Eles não entendem muito bem o que está acontecendo, mas podem sentir o amor dos irmãos e irmãs ao redor do mundo por eles. A intenção é mostrar que há quem se importe com os filhos da Igreja Perseguida, e essas pessoas estão dispostas a usar os recursos que têm para fortalecer as sementes do corpo de Cristo. Saiba mais.

Fonte: Portas Abertas