Funkeiro Mr. Catra faleceu no dia 09 de setembro de 2018
Funkeiro Mr. Catra faleceu no dia 09 de setembro de 2018

A morte de Mr. Catra no último domingo (9), após uma longa batalha contra um câncer de estômago, levou muitos artistas a homenagear o funkeiro, enquanto outros ainda o criticavam pela conduta que ele teve durante sua vida. Mas uma de suas filhas relatou que ele se entregou a Jesus dias antes de morrer.

Catra se tornou conhecido por falar de sexo livre em suas músicas e promover shows com consumo de drogas e bebidas. Apesar do contexto de sua vida — morando com 3 mulheres e 32 filhos — o funkeiro teve ao seu lado uma filha que nunca desistiu de orar.

Thamara Oliveira Domingues relatou em seu perfil do Facebook que estava orando não só pela cura física do pai, mas também pela cura espiritual.

“Estamos na luta com meu pai contra o câncer. Algumas pessoas sabem porque foi exposto na mídia, mas o que eu quero relatar é o que as pessoas não sabem… No caminho dessa batalha eu clamava incessantemente junto com meus pastores, líderes, discipuladores, familiares e amigos para que o Senhor se revelasse a ele e que ele O recebesse e O aceitasse como seu único e suficiente salvador”, contou Thamara em um longo testemunho, pouco antes de Catra falecer.

“Cada um o olhava de uma forma, mas aos olhos de Deus ele sempre foi um filho muito amado, escolhido, separado ao qual o Senhor deseja se relacionar. Ainda bem que o Senhor não vê como o homem vê, Deus vê o interior, não o que está por fora”, acrescentou.

Thamara detalhou o dia em que Catra decidiu entregar sua vida a Jesus, reconhecendo-O como seu salvador.

“Dia 25 de agosto de 2018, sábado, no leito ele levantou as suas mãos e reconheceu Jesus como seu único e suficiente salvador. Uma alegria muito grande, a alegria da salvação, a cura eterna, a paz que excede todo entendimento”, relatou.

Confira o relato completo no post abaixo:

Logo após o falecimento de seu pai, Thamara reconheceu o momento de dor pela perda, mas também celebrou o fato de saber que ele morreu salvo por Jesus.

“Sim, hoje minha figura de herói, protetor, meu primeiro amor se foi, o homem mais incrível que tive o privilégio de chamá-lo de pai se foi… Mas ele foi salvo, ele está na eternidade curado para sempre. Fazendo aquilo que foi um dom dado por Deus, louvando ao Senhor!”, ela disse.

“Eu seguirei aqui, proclamando a salvação eterna, declarando que Jesus cura sim, salva e liberta… Ele faz e meu pai teve a oportunidade de conhecê-Lo e desfrutar desse presente que é a vida eterna”, acrescentou Thamara. “Caminharei conduzindo pessoas por esse mesmo caminho”.

Fonte: Guiame