A Igreja Anglicana no Reino Unido não lutará mais contra a união gay no país, anunciou o líder dos bispos na Câmara Alta britânica em um breve comunicado no fim da quarta-feira.

Segundo o reverendo Tim Stevens, os bispos que representam a religião na Câmara Alta britânica devem reconhecer que prevaleceu o ponto de vista de outros membros da Casa e atuar para modelar a legislação.

“As duas casas do Parlamento já expressaram um ponto de vista claro e das maiorias de que a legislação deve permitir o casamento entre duas pessoas do mesmo sexo na Inglaterra e em Wales”, diz a nota.

“Agora, é o dever e responsabilidade dos bispos da Câmara Alta reconhecer as consequências dessa decisão e se unirem aos outros membros na tarefa de considerar qual seria o melhor formato para tal legislação”, acrescenta.

[b]Fonte: Diário de Pernambuco[/b]