[img align=left width=300]http://www.arrozdefyesta.net/media/uploads/ICAP_14432.jpg[/img]

O Departamento de Justiça, Classificação, Títulos e Qualificação do Ministério da Justiça classificou “Os Dez Mandamentos – O Filme” como não recomendado para menores de 12 anos. Segundo o órgão, o longa de Alexandre Avancini, produzido por Douglas Tavolaro e Marilia Toledo, contem cenas de violência. O trailer, no entanto, foi liberado.

“Os Dez Mandamentos – O Filme” estreia no próximo dia 28 em mais de mil salas pelo país, e a Igreja Universal adotou estratégia para tornar a produção um recorde de público no Brasil. A pré-venda de ingressos é um fenômeno –já foram vendidos mais 1,5 milhão de entradas–, mas a classificação indicativa pode atrapalhar esses planos.

A novela homônima da Rede Record, que é a base do filme, também obteve a mesma classificação indicativa, de 12 anos, por conter “violência e conteúdo sexual”, segundo o Ministério da Justiça.

[b]Fenômeno de vendas
[/b]
Os mais de 2 milhões de ingressos comercializados na pré-venda ainda devem aumentar até a estreia, em 28 de janeiro.

O longa-metragem também vai se transformar no maior lançamento nacional, ocupando mil salas. O recorde anterior pertencia à comédia “Até que a Sorte nos Separe 3”, de Leandro Hassum, que estreou no dia 24 de dezembro último em 808 salas do Brasil.

Distribuído pela Paris Filmes, “Os Dez Mandamentos” é escrito por Vivian de Oliveira e dirigido por Alexandre Avancini, que também assinam a novela, e conta com os atores Guilherme Winter, Sergio Marone, Gisele Itié, Samara Felippo, Sidnei Sampaio, Camila Rodrigues, Petrônio Gontijo, Denise Del Vecchio, Paulo Gorgulho e Larissa Maciel.

A edição para o cinema promete cenas exclusivas e um final inédito, que antecipará a segunda temporada da novela, marcada para estrear em março de 2016.

[b]Fonte: UOL[/b]