Presidente Jair Bolsonaro no programa de Silvio Santos (Foto: PR/Alan Santos)
Presidente Jair Bolsonaro no programa de Silvio Santos (Foto: PR/Alan Santos)

O SBT começou com uma nova prática durante os intervalos comerciais. A emissora tem exibido trechos da Bíblia e nessa semana o canal de televisão mostrou uma passagem de Salomão que orienta as pessoas a não criticar o governo nem os ricos e poderosos.

“Não critique o governo mesmo em pensamento e não critique o homem rico nem mesmo dentro do seu próprio quarto. Pois um passarinho poderia ir contar a ele o que você disse”, diz o trecho de Eclesiastes 10:20.

A emissora passou a ser criticada nas redes sociais pela exibição dessa passagem bíblica. À Folha de S. Paulo, o SBT explicou que a inciativa consiste em exibir 106 versões dessas mensagens com todos os versículos e capítulos da Bíblia ao longo dos intervalos.

Conhecido apoiador do presidente Jair Bolsonaro, o dono do SBT, Silvio Santos, já falou em outros momentos sobre não se colocar contra o governo federal. Em dezembro do ano passado, em um comunicado feito a seus funcionários, Silvio classificou o governo como seu “patrão”.

“A minha concessão de televisão pertence ao governo federal e eu jamais me colocaria contra qualquer decisão do meu ‘patrão’, que é o dono da minha concessão. Nunca acreditei que um empregado ficasse contra o dono, ou ele aceita a opinião do chefe, ou então arranja outro emprego”, escreveu.

SBT exibe salmo que aconselha a não criticar o governo

Fonte: Último Segundo