Igreja destruída próximo a Tal Tamer, no nordeste da Síria (Imagem: New York Times)
Igreja destruída próximo a Tal Tamer, no nordeste da Síria (Imagem: New York Times)

As crianças ainda estavam brincando nas ruas na última sexta à noite, quando os rebeldes bombardearam a vila.

No sábado, eles deveriam celebrar um casamento em Mhardeh, uma vila cristã na Síria, mas ao invés disso, dez deles foram carregados para o túmulo e mais dois morreram no hospital.

O ataque ocorreu sexta, no final do dia, quando o trânsito estava mais cheio por causa do final de semana.

Cinco dos mortos eram crianças com menos de 15 anos, sendo três da mesma família. Dessa casa também morreram a mãe e a avó e o pai está no hospital.

No total, mais de 20 pessoas foram feridas. Uma fonte local disse a um repórter do jornal norueguês Dagen que tudo o que podem fazer agora é orar: “A única coisa que nós sentimos é luto. Por favor, ore por nós”.

Mhardeh, uma das vilas mais povoadas por cristãos na Síria, tem recebido milhares de desabrigados internos de outras partes do país.

O local é cercado por diversas vilas controladas por rebeldes. Na área ao redor de Mhardeh agora estão sendo procuradas bombas que não explodiram.

Fonte: Missão Portas Abertas