Com 27% da população australiana que se professa católica, a Igreja é ainda a maior comunidade religiosa do país. Esse número está contido numa nota da Igreja australiana que, na véspera do Dia Mundial da Juventude, divulgou os últimos dados atualizados sobre a população católica no país.

Segundo os dados fornecidos, os fiéis católicos na Austrália aumentaram em 125.260 unidades entre 2001 e 2006, mesmo caindo ligeiramente, como percentual, em relação à população australiana.

Os dados contrastam com outras pesquisas divulgadas nesses dias pela imprensa nacional, que mostram os australianos como em grande parte indiferentes ao sagrado. Segundo uma recente pesquisa publicada pelo jornal “Sydney Morning Herald”, pelo menos 20% dos australianos dizem “não acreditar em nenhuma religião”.

Mas, segundo os especialistas – apesar de um declínio da fé verificado na sociedade nos últimos 30 anos por causa do crescente fenômeno da secularização –, a busca pelo “sagrado” e por uma forma de religiosidade está sempre presente nos jovens e em toda a sociedade. Por isso, a Igreja destaca que o DMJ será uma valiosa oportunidade de evangelização.