Cristãos na Índia
Cristãos na Índia

Moradores cristãos de um distrito rural da Índia, no estado de Maharashtra, estão sendo ameaçados com o fechamento de uma igreja por semana.

O motivo é porque os cristãos estão “destruindo” a cultura e tradição local ao atraírem outros a se converterem ao cristianismo.

Desde junho, mais de uma dúzia de casas de cristãos foram atacadas por grupos extremistas locais em cinco vilas no distrito de Gadchiroli.

Os cristãos das vilas de Alwar, Tekla, Bharagad, Kospundi e Alenga foram informados que se continuarem com a fé cristã, eles não terão mais acesso ao abastecimento de água local e as compras subsidiadas pelo governo.

O último incidente aconteceu no último domingo, em Kospundi, quando um cristão local, Gallu Kowasi, foi espancado por locais exigindo que ele renunciasse a sua fé.

De acordo com uma fonte local confiável, os extremistas estão sendo motivados pelo governo com base na lei de áreas tribais autônomas.

Muitos cristãos têm recebido ameaças de morte ou de expulsão das vilas, enquanto novos convertidos enfrentam o isolamento de suas famílias e comunidade local.

Fonte: Missão Portas Abertas