Anne Graham Lotz, filha do evangelista Billy Graham
Anne Graham Lotz, filha do evangelista Billy Graham

Anne Graham Lotz, filha do evangelista Billy Graham, anunciou nesta terça-feira (4) que foi diagnosticada com um câncer de mama. Em um comunicado oficial, a evangelista de 70 anos conta como está lidando com a doença e pede orações.

“Na tarde de 17 de agosto de 2015, entre 3h00 e 3h30, encontrei meu marido, Danny, sem reação em nossa piscina. Dois dias depois, ele partiu. Três anos depois, na tarde de 17 de agosto de 2018, na mesma hora do dia, entre 3h00 e 3h30, eu fui diagnosticada com câncer de mama”, Anne revela em seu site.

A evangelista conta que quando percebeu a coincidência, chegou à conclusão de que se tratava de uma obra do inimigo. Mas assim que esse pensamento foi se formando, ela ouviu o sussurro suave e gentil do Espírito Santo, a lembrando que numa sexta-feira, naquele mesmo horário, o Cordeiro da Páscoa de Deus foi sacrificado.

“Jesus morreu no mesmo dia da semana, na mesma hora do dia, esmagando a cabeça da serpente. Louvado seja Deus! A cruz, o sangue do Cordeiro de Deus, supera qualquer coisa que o diabo possa atribuir a nós. Então eu fui levada a adorar e confiar totalmente em nosso Deus, que está no controle de tudo”, Anne afirmou.

Com base em 1 Pedro 1:6-7, que diz que “a fé, muito mais valiosa do que o ouro, mesmo que refinado pelo fogo, é genuína”, Anne acredita que está recebendo um combustível no fogo de sua vida.

“O ouro refinado no fogo é uma imagem profunda do modo como Deus refina e purifica você e eu. Ele sabe exatamente quão quente o fogo precisa ser para trazer as impurezas dos nossos corações, mentes e vidas para a superfície da nossa atenção, permitindo que Ele possa limpá-las, até que Ele veja sua própria imagem refletida em nós”, analisa.

Anne também revela que desde que recebeu o diagnóstico, tem sido encorajada diariamente pelas promessas de Deus apresentadas na Bíblia. “Deus tem sido meu refúgio e força, um auxílio sempre presente neste problema. Portanto, eu não temerei (Salmo 46:1-2). Mas Ele também deixou bem claro que minha cura será uma resposta não apenas à minha oração, mas às orações dos outros por mim”, destacou.

Por isso, Anne reforçou um pedido de oração: “Você poderia orar por mim? Ore para que Deus me cure da maneira que traga a maior glória para Ele. Cura sem cirurgia, com cirurgia ou através do milagre da ressurreição”, afirma. “O ponto principal de nossa oração é que nossa fé seja purificada, que Deus seja glorificado e que Jesus seja exaltado a cada passo que dermos nessa nova jornada, até que o Refinador veja Seu próprio reflexo em minha vida”.

Fonte: Guiame