Morreu no final da manhã desta quarta-feira (19), no Recife, o monsenhor José Airton Guedes, 102 anos, considerado pela Arquidiocese de Olinda e Recife o mais antigo padre em exercício no mundo.

O religioso estava internado desde o começo de outubro em um hospital da capital pernambucana, por problemas de saúde, e faleceu devido a uma infecção generalizada.

O corpo do padre foi velado durante toda a tarde e início da noite de ontem na Igreja Nossa Senhora da Piedade, localizada na Rua Capitão Lima, em Santo Amaro, área central do Recife. Nesta quinta-feira (20), às 10h, o arcebispo de Olinda e Recife, dom José Cardoso Sobrinho, celebra uma missa na mesma igreja em homenagem ao religioso. O sepultamento do corpo do padre ocorre logo em seguida no Cemitério de Santo Amaro, no Recife.

Monsenhor José Guedes estudou em Roma, no Colégio Pio Latino, e tornou-se padre no fim da década de 20. O religioso tinha 80 anos de sacerdotismo e foi nomeado vigário da paróquia de Nossa Senhora da Piedade, em 1957, pelo Papa Pio XII. O padre Caetano Pereira, que acompanha o monsenhor José Guedes desde 2000, deverá substituí-lo.

Fonte: JC online