Yudi Tamashiro anuncia o fim da sua carreira musical durante entrevista na Rede TV!
Yudi Tamashiro anuncia o fim da sua carreira musical durante entrevista na Rede TV!

Em sua participação no programa Superpop, da Rede TV!, na noite de segunda-feira (04), o cantor e apresentador Yudi Tamashiro disse que está se afastando da carreira musical para se dedicar a Deus.

“Cada um tem seu tempo e seu chamado”, disse.

Aos 22 anos, Yudi falou sobre sua vida de sucesso, que começou ainda na infância quando apresentava o programa “Bom Dia e Cia” ao lado de Priscilla Alcântara.

Após viver anos de loucuras, sexo e bebidas, Yudi Tamashiro se converteu em uma igreja evangélica, onde foi batizado, e começou a contar seu testemunho.

Yudi disse que o que muitos buscam, ele teve desde criança: sucesso, fama, dinheiro e outras conquistas materiais.

“Esse poder que está dentro de mim, que é o Espírito Santo, já não me faz agradar de estar conquistando coisas, mas sim dividindo o amor que eu sinto por Deus. Porque é isso que me completa hoje”, afirmou.

Ele contou que durante os três meses que ficou de cama por problemas no nervo ciático, teve muitas experiências com Deus. “Comecei a me lembrar de coisas que me faziam bem, como pagode, e disse à minha mãe que quando saísse da cama iria evangelizar em lugares que ninguém nunca evangelizou”, contou.

Decisão em MG

Yudi contou que a vida de cantor o estava afastando da igreja, porque os eventos aconteciam nos mesmos dias de culto, e aquilo estava deixando triste. Esse afastamento fez com que ele começasse a voltar a beber e ter envolvimento com várias mulheres.

Mas as coisas começaram a mudar quando sua mãe, sem avisá-lo, marcou um testemunho em uma igreja em Minas. Yudi disse que ficou constrangido e não queria ir, pois estava tendo uma vida “suja”. Mas acabou aceitando.

Ele contou que ali Deus o fez decidir que vida queria. “Eu já fiz shows em vários lugares, inclusive no Rock In Rio, mas nada se compara a ver jovens levantando as mãos para aceitar Jesus”, contou, a partir da experiência que teve em Minas, quando testemunho para 800 jovens.

Em sua nova fase de fé, Yudi disse estar cada vez mais decidido a servir a Deus. Ele conta que num culto em célula, ajoelhou, começou a chorar e a pedir para Deus o que ele deveria fazer:

“Naquele momento um pastor chegou, colocou as mãos em mim e disse: ‘Você está pergunta pra Deus o que deve fazer e ele te responde: Larga tudo porque você vai rodar o mundo pregando a Palavra’”, contou emocionado.

Ele conta que, no dia seguinte após um show de pagode, ligou para a equipe e anunciou que não mais faria apresentações. “A partir de hoje não canto mais pagode, abro mão da minha carreira”, disse. “Vou partir na minha missão, porque a gente não escolhe isso. Se Deus me escolheu, e tocou o meu coração para isso, a única coisa que eu tenho que fazer e agradecer e marchar”.

Novo caminho

Mesmo após a conversão, Yudi continuou tocando sua carreira artística. A partir de agora, no entanto, ele deve seguir um novo caminho. Ele anunciou em primeira mão que não vai mais cantar pagode.

“Eu fui me distanciando da igreja, porque os shows eram nos dias da igreja”, conta. “Isso começou a ter um conflito muito grande dentro de mim. Minha mãe me falou: ‘isso não vai dar muito certo, não'”.

O ponto de virada foi quando ele foi chamado a dar um testemunho da sua conversão em Minas Gerais. Naquele dia, viu centenas de jovens se emocionarem e anunciarem sua conversão. “Agora vou partir na minha missão, porque a gente não escolhe isso”.

Provocado por diversas perguntas no quadro “Palavra-chave”, Yudi não se recusou a responder nenhuma, mesmo que embaraçosas.

Após se converter, Yudi Tamashiro disse que, junto com a então namorada Wanessa Bicalho, também evangélica, que deixou as relações sexuais para depois de casado.

“A iniciativa partiu dela. Ela disse: ‘A partir de agora quero fazer como está na Bíblia’. e eu falei: ‘tudo bem’. Mas foi difícil”. Ele conta que, após o período de castidade, o namoro acabou terminando, depois que ela viajou a trabalho.

Yudi conta que o voto que fez se estende também à masturbação. “Eu também fiquei em choque quando fiquei sabendo [que não podia]. Pensei: ‘caramba!'”

Amizade com Priscilla Alcântara

Yudi fala de sua amizade com a cantora Priscilla Alcântara, desde que trabalharam juntos, na infância. Ele lembra que foram 10 anos juntos, praticamente todos os dias, o dia inteiro no programa “Bom Dia e Cia”, além de outras atrações do SBT.

Ele contou à Luciana Gimenez como era a relação entre os dois. “Cresci junto com a Pri. O mais legal é que éramos pessoas muito diferentes. Ela sempre crente e eu muito louco”, conta. “Eu acho que essa mistura era o que fazia a graça do programa”.

Ele conta que os dois trabalhavam juntos “de segunda a segunda”, gravando oito horas por dia, ao vivo. “E não era só a TV, tinha os eventos e quando contratavam era sempre os dois. Eu convivia mais com ela do que com minha irmã”.

Sucesso e álcool

A carreira de Yudi no SBT foi bem-sucedida. Quando saiu da emissora, deu sequência à jornada artística, cantando, dançando e participando de programas, como o reality “A Fazenda”, da Record.

Yudi também fez parte da dupla vencedora do programa “Dancing Brasil”, também da Record, apresentado por Xuxa. O primeiro lugar deu ao casal o prêmio de R$ 500.000.

Mas foi quando atingiu a adolescência, que Yudi Tamashiro passou a enfrentar problemas com o álcool, vivendo uma rotina de noitadas, somada às muitas horas de trabalho. Ele contou à Luciana Gimenez sobre os problemas com álcool.

“Droga eu nunca tive curiosidade. Eu era da turma do sertanejo e o negócio desse pessoal era beber”, explica. Ele conta que apresentava o programa “Bom Dia e Cia” pela manhã e, logo em seguida, saía para beber e, em seguida, para casas de prostituição. “Como eu trabalhava muito, o tempo que eu tinha para aproveitar, eu aproveitava. Das 11 às 5 da manhã era o tempo para ficar louco e arregaçar tudo”.

Yudi vivia em um ritmo tão frenético que chegava a ficar dias sem dormir. “A minha mãe ficava louca. Eu levava as meninas em casa e ia trabalhar. Quando eu voltava do Bom Dia, elas ainda estavam lá”.  

O rapaz diz que tudo o que viveu hoje é um forte testemunho e que serve de exemplo para outros jovens.

Fonte: Guia-me com informações da Rede TV!