Televisão
Televisão

A crise econômica também parece ter afetado a IURD (Igreja Universal do Reino do Deus). Algumas emissoras de TV, como a Gazeta de São Paulo e a Rede TV!, já foram notificadas sobre a diminuição de horário alugados. O anúncio ainda não ocorreu de forma oficial.

De acordo com as informações do jornalista Flávio Ricco, do UOL, o valor gasto por ano pela Igreja para ocupar os principais horários das emissoras por todo o Brasil é R$ 500 milhões/ano. Procurada pelo portal, a IURD se manifestou e explicou a situação.

“A Universal não está diminuindo, e sim redistribuindo investimentos de TV em melhores canais e horários”, respondeu a assessoria da Igreja. As mudanças devem promover uma grande alteração na grade de programação de diversas emissoras.

Rede TV!

A Igreja Universal do Reino de Deus pegou de surpresa a RedeTV! com a notícia de que irá abrir mão de alguns de seus horários na casa.

A novidade, segundo informações do colunista Flávio Ricco, disparou o esforço de duas frentes distintas nos bastidores do canal – a artística e a comercial – na direção de encontrar um substituto.

O primeiro, no sentido de desenvolver novidades em termos de entretenimento para cobrir esse buraco. O segundo, na busca por novas igrejas interessadas na “vaga”. Quem chegar primeiro – e/ou com mais dinheiro – fica com o espaço.

Um forte substituto seria Valdemiro Santiago. O líder da Igreja Mundial do Poder de Deus anunciou recentemente o desejo de voltar à tela da RedeTV!.

O religioso, inclusive, já está negociando com a emissora a compra de seis horas diárias da grade do canal para o programa de sua denominação cristã. O propósito é fazer frente a Edir Macedo.

Fonte: O Foco e RD1