Fiéis protestam na frente de templo da Assembleia de Deus, em Palotina (PR)
Fiéis protestam na frente de templo da Assembleia de Deus, em Palotina (PR)

Neste domingo (07), fiéis da Igreja Assembleia de Deus, localizada no centro da cidade de Palotina, no Paraná, realizaram um manifesto em favor da permanência do Pastor Jean Carlos Nogueira.

Membros simpatizantes da direção organizaram o movimento em repulsa a uma tomada de decisão da Convenção do Paraná.

De acordo com informações de um dos integrantes do protesto e membro da Igreja, a Convenção teria indicado um novo pastor e, sem nenhum aviso com antecedência, nem consentimento dos fiéis, teria tentado forçar a realização da posse do mesmo.

A posse do novo pastor estava prevista para acontecer na manhã deste domingo, 7, porém, devido a manifestação não aconteceu.

Os fiéis não aceitam a retirada de Nogueira, uma vez que ele não teria cometido nenhuma irregularidade.

“Pastor Jean vem realizando um excelente trabalho em prol da igreja, porém, o presidente que é de Terra Roxa, decidiu trocar o pastor sem ouvir os membros da igreja local”, disse um dos manifestantes ao acrescentar, “Não estamos contra a Convenção, estamos querendo que as decisões sejam compartilhadas com nós antecipadamente. Não vejo motivo do presidente trocar de pastor em Palotina”.

“Somos cerca de 500 irmãos, não podemos admitir que o presidente mande e desmande sem antes nos consultar. Convenção deve ouvir a igreja antes de qualquer ato”, explicou uma mulher que fazia parte do movimento.

“Palotina tem Pastor sim”, declarou em coro os manifestantes.

Segundo apuração do jornal Correio do Ar, a igreja Assembleia de Deus de Palotina é subordinada a igreja de Terra Roxa, sendo assim parte do dízimo arrecadado, ao invés de ser usado na cidade, acaba sendo enviado para fora do município. Eles buscam a emancipação para que a igreja de Palotina tenha seu próprio presidente e assim, possa tomar decisões independentes.

A reportagem não conseguiu contato com a direção da igreja local nem com a convenção.

Fonte: Correio do Ar