Google
Google

O mundo se acostumou a usar o Google para descobrir a resposta para quase tudo. Mas poderia a gigante dos mecanismos de busca responder sobre a volta de Jesus Cristo?

Um artigo para Motherboard  descreve que ao digitar a palavra ‘dog’, no Google Translate, 19 vezes e pedir que ela seja traduzida da língua maori para o inglês, vem com a resposta: ‘Doomsday Clock é três minutos às doze. Estamos vivenciando personagens e desenvolvimentos dramáticos no mundo, que indicam que estamos cada vez mais nos aproximando do fim dos tempos e do retorno de Jesus.’

A língua maori é a língua dos povos indígenas da Nova Zelândia.

Esta não é a única mensagem semi-religiosa que aparece.

Quando a palavra “ag” é inserida várias vezes, na língua irlandesa ou somali, as mensagens que soam como hebraico se assemelham a partes do resultado do Antigo Testamento. Neste caso, a tradução diz: “Como resultado, o número total de membros da tribo dos filhos de Gershon era de cento e cinquenta mil.”

Alguns estão  se perguntando se as razões para os resultados estranhos podem ser porque eles foram retirados do texto recolhido de mensagens privadas ou e-mails, enquanto outros especulam que é o trabalho das forças espirituais.

No entanto, o gigante dos mecanismos de busca afirma que esse não é o caso.

“O Google Tradutor aprende com exemplos de traduções na web e não usa ‘mensagens privadas’ para realizar traduções, nem o sistema teria acesso a esse conteúdo”, disse Justin Burr, porta-voz do Google.

“Isto é simplesmente uma função de introduzir um absurdo no sistema, para o qual o absurdo é gerado.”

No entanto, outros dizem que os resultados estranhos são devidos ao utilitário de tradução que procura por ordem no caos.

Sean Colbath, um cientista da BBN Technologies que trabalha com tradução automática, observou que as línguas que produzem os resultados mais estranhos são línguas menores que não são amplamente faladas, como os maori, e têm corpos menores de texto traduzido do que línguas faladas em todo o mundo, como Inglês ou chinês. Ele sugeriu que é possível que o Google tenha usado textos religiosos como a Bíblia, como foi traduzido em vários idiomas, para treinar seu modelo nesses idiomas.

O Google Tradutor foi lançado em 2006 e atualmente pode fornecer traduções para mais de 100 idiomas.

Fonte: The Christian Post