O grupo irlandês de rock U2 está acostumado a ser adorado por seus fãs, mas uma igreja em Dublin, a Igreja Anglicana St. George, resolveu elevar essa adoração para um novo nível.

A instituição realizou, no domingo, 1, o primeiro serviço religioso cristão baseado nas canções da banda, iniciando com uma versão da canção de inspiração gospel I Still Haven´t Found What I´m Looking For.

“Existe uma mensagem cristã profunda na música do U2”, comentou Greg Fromholz, um líder de grupo de jovens cristão a quem a igreja pediu ajuda para organizar o evento. “Eles estão sempre à procura de algo que vai além deles mesmos”, disse ele à rádio estatal irlandesa.

O “U2charist”, um conceito que se originou nos Estados Unidos, foi uma maneira de atrair os jovens de um modo culturalmente relevante para eles, disse Fromholz.

O vocalista do U2, Bono, que é cristão convicto, é conhecido por injetar um elemento de espiritualidade no trabalho da banda, e sua crença está subjacente às qualidades bíblicas de álbuns como The Joshua Tree, de 1987.

Cerca de 150 pessoas lotaram a igreja para um serviço religioso de 90 minutos que teve gelo seco, efeitos de iluminação e as letras das canções exibidas em telões.

Muitos dos fiéis cantaram com o coral canções do U2 como Peace on Earth, Windows in the Sky, Hallelujah (Here She Comes) e a grande final, One.

A reitora da igreja, reverenda Katherine Poulton, disse que o serviço foi um grande sucesso.

Nos últimos anos, o número de fiéis que freqüentam as igrejas na Irlanda vem caindo constantemente.

Fonte: Estadão