Kaká, ex-jogador de futebol
Kaká, ex-jogador de futebol

Em entrevista ao portal UOL, o craque Kaká falou sobre vários assuntos, entre eles, sua convicção em casar virgem.

Kaká foi o primeiro jogador a declarar abertamente a sua fé. O seu pioneirismo levou pessoas para o Evangelho.

Aos 35 anos e aposentado, ele comentou como está a relação com a namorada Carolina Dias. Sem fugir dos temas, o ex-jogador também lembrou a saída da Igreja Renascer em Cristo após 13 anos. De acordo com ele, o problema dos bispos com a justiça foi determinante.

VIRGINDADE
Eu acho que é muito legal ser exemplo e referência, mas é muito importante, também, que cada um tenha sua convicção pessoal. Sinceramente, não acho que o cara vai chegar com a namorada e lembrar de mim na hora. Prefiro pregar a minha convicção em relação a Jesus do que falar para ele fazer ou não fazer.

PIADAS
Essas piadas nunca me incomodaram porque realmente era minha convicção. Em nenhum momento isso foi um peso. Falei numa boa. E foi até os 23 anos, até quando eu casei. Não teve nenhum problema. Agora, se você perguntar: faria de novo? Acho que eu não falaria sobre o assunto. Teria feito do mesmo jeito, não precisaria dessa exposição. Com a experiência que tenho hoje, não teria aberto essa área tão privada da minha vida. Teria me preservado um pouquinho mais.

CRISTÃO
Nunca falei que Deus fez gol para mim. Sempre levantei a mão e agradeci pelo momento que estava vivendo. É um agradecimento. Mas começam discussões, pequenas coisas que cada um vai pegando, para criar esse tipo de polêmica. Eu não podia ser na frente das câmeras o Kaká jogador de futebol e, longe dela, o Ricardo cristão. Os valores eram os mesmos.

RENASCER
Expliquei meus motivos ao apóstolo e à bispa. Eles entenderam e a relação continua ótima. Tinha chegado meu limite com a instituição. Deixou de ser a “igreja do Kaká” e voltou a ser o que deveria: a Igreja Renascer em Cristo.

Kaká com os bispos Sônia e Estevam Hernandes

DIVÓRCIO
Foi um dos momentos mais difíceis da minha vida. Estava passando por um momento difícil, saída do Real Madrid para o Milan, e entrada no processo de divórcio.

NAMORO
Tenho minha base de valores e acredito no casamento, por mais que vá contra a correnteza da sociedade. É uma das coisas mais legais que tem na vida. Eu sou completamente a favor do casamento. Estamos namorando, mas vamos ver para quando vai. Não tem data, não estou noivo. Gosto muito de criança e vamos ver.

Fonte: Pleno News