O máximo líder da Igreja Anglicana, o arcebispo de Canterbury, Rowan Williams, fez neste sábado um apelo à reconciliação, em sua tradicional mensagem de Páscoa, citando o recente acordo histórico entre católicos e protestantes na Irlanda do Norte.

Todos devem dar “um passo em direção a seu vizinho”, disse o arcebispo de Canterbury, Rowan Williams, estimando que o acordo firmado em março permitirá o entendimento entre as duas comunidades da Irlanda do Norte.

“Nesta história cada parte tomou decisões, algumas diabolicamente chocantes, outras trágicas, outras insensatas. Estas decisões e o sofrimento que provocaram não tiveram o poder para nos dizer o que fazer hoje em dia”, afirmou no discurso pronunciado na catedral de Canterbury, sudeste da Inglaterra.

“Quando no nosso mundo enfrentamos o terrível beco sem saída do ódio mútuo e da desconfiança, com histórias que se nutrem de sofrimento e atrocidades, devemos rezar para que ouçam esta mensagem de ressureição”, disse o arcebispo.

Após anos de hostilidades, os dois principais partidos da Irlanda do Norte, católico e protestante, aceitaram compartilhar o poder.

Fonte: AFP