Com 71,4% dos votos, Chico Xavier foi eleito “o maior brasileiro de todos os tempos”. A eleição promovida no programa do SBT começou em 11 de julho.

Baseado no programa 100 Greatest Britons, da emissora BBC, foram produzidas doze edições ao todo.

Segundo a emissora, o objetivo do programa é “eleger aquele que fez mais pela nação, que se destacou pelo seu legado à sociedade.”
A grande final da votação aconteceu na noite desta quarta, 3 de outubro. No início da competição 100 nomes foram indicados. As eliminatórias foram acontecendo e restaram três concorrentes: Santos Dumont, Chico Xavier e Princesa Isabel.

Na maioria dos países que exibiram programas com formato semelhante, políticos venceram. Na edição brasileira concorriam os ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso, Luiz Inácio Lula da Silva, Getúlio Vargas (1882-1954) e Juscelino Kubitschek (1902-1976). Todos acabaram derrotados.

“A figura dos políticos está em baixa, isso pode explicar a ausência deles nesta última etapa”, afirma David Fleischer, cientista político e professor da Universidade de Brasília.

Depois de vencer um dos favoritos, Ayrton Senna, na fase semifinal do programa, Chico Xavier foi o grande vencedor da competição cujos votos do público foram computados pela internet e via SMS. No palco, Chico foi representado por Saulo Gomes, autor do livro “As Mães de Chico Xavier”, que virou filme recentemente.

Durante o programa, o apresentador Carlos Nascimento destacou que Carlos Chico Xavier sempre foi considerado “um mensageiro do amor. Um homem sereno e humilde que tocou o espírito de seus seguidores”. Foram mais de 400 obras psicografadas publicadas em diversos idiomas, uma vendagem superior a 50 milhões de exemplares.

“Com apenas 21 anos, psicografou o primeiro livro. Logo viriam mais publicações, os elogios e as críticas. Durante toda a sua vida, ele teve que lidar com acusações e desconfianças dos descrentes na sua obra. Sua mensagem chegou a milhões de pessoas. Muitos são os relatos de vidas transformadas através das suas palavras”, afirma o site do SBT.

Nas redes sociais, muitos comemoraram, mas houve quem criticasse. Tanto no Facebook quanto no Twitter era possível ler mensagens do tipo “Chico Xavier é o maior brasileiro de todos os tempos! Os ateus e evangélicos pira”.

[b]Fonte: Gospel Prime[/b]