Rev. Norman Tendis está entre vítimas do acidente do Boeing 737 MAX 8 da Ethiopian Airlines que caiu e matou todas as 157 pessoas a bordo, na Etiópia
Rev. Norman Tendis está entre vítimas do acidente do Boeing 737 MAX 8 da Ethiopian Airlines que caiu e matou todas as 157 pessoas a bordo, na Etiópia

Um pastor luterano alemão estava entre as 157 pessoas que morreram neste domingo, 10 de março, após o acidente de um Boeing em Bishoftu (Etiópia).

Reverendo Norman Tendis estava no avião para Nairobi, onde planejava participar de uma conferência da ONU . Ele iria representar as posições do Conselho Mundial de Igrejas (CMI), uma organização ecumênica global, como membro de sua equipe.

O Boeing 737 caiu minutos depois de decolar de Addis Ababa. A causa ainda é desconhecida.

Tendis era um consultor do WCC sobre questões de cuidados com a criação, disse a organização em um comunicado.

Ele estava indo participar da Assembleia do Ambiente da Conferência da ONU, para apresentar um “Roteiro para Congregações, Comunidades e Igrejas para uma Economia da Vida e Justiça Ecológica” na manhã de segunda-feira.

“Expressamos nossas mais profundas condolências pelo falecimento de todas as pessoas a bordo da aeronave, e temos uma particular angústia pela perda de nosso próprio Rev. Norman Tendis, que estava apaixonadamente esculpindo um caminho para a justiça econômica e ambiental”, disse Olav Fykse Tveit, líder do CMI.

Norman Tenis também serviu como pastor luterano local na Áustria.

Entre os que morreram no acidente estão pelo menos 21 funcionários da ONU e outros participantes da conferência, incluindo representantes de várias organizações.

Fonte: Evangelical Focus